Procenge - Releases

Unimed Ceará – Operadoras de Saúde na Era Digital

Operadoras de Saúde na Era Digital

Softwares agilizam processos organizacionais para uma gestão mais estratégica. Sistema ERP Pirâmide consolida informações acessadas em tempo real e reduz custos através de moldes de qualidade

O mercado de saúde tem se tonado cada vez mais competitivo, em especial para as operadoras de plano de saúde. Atualmente, a utilização da tecnologia da informação para o aperfeiçoamento da gestão vem se destacando como uma estratégia diferencial para o sucesso das instituições.

O fato que torna tecnologia indispensável para a sobrevivência das organizações é o crescente aumento das exigências da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), que demandam, cotidianamente, agilidade nos processos organizacionais. Em busca de aprimorar os seus sistemas internos com melhor usabilidade, a Unimed Ceará implantou softwares de gestão empresarial.

Inácio Dutra de Melo Júnior, Gerente de Tecnologia da Informação da Unimed Ceará, explica que os sistemas instalados foram o SABIUS e o ERP Pirâmide, sendo o último responsável pela integração da unidade e pela consolidação das informações acessadas em tempo real.

Além de ter uniformizado os processos de negócios da operadora e reduzido o retrabalho dos funcionários, a integração das informações possibilitou uma base de dados única que aumenta a qualidade da informação, reduzindo custos, simplificando rotinas e aperfeiçoando os indicadores de gestão da cooperativa.

Melo Júnior acentua ainda que essas tecnologias auxiliaram uma gestão mais estratégica, uma vez que os sistemas proporcionam aos superintendentes maior agilidade nos processos cotidianos através de moldes de qualidade eficaz.

Implantação

O projeto de instalação do software ERP Pirâmide foi elaborado em duas fases: planejamento e execução. Eduardo Cavalcante, diretor de Operações da Procenge, explica que durante a etapa de planejamento aconteceu o levantamento do cenário da Unimed Ceará, criação do plano geral do projeto, assim como a criação do cronograma das atividades e das regras de comunicação. Logo, a etapa de execução ficou responsável pela instalação do sistema, configurações, treinamentos, cargas iniciais e entrada em funcionamento.

Algumas mudanças foram necessárias para a implantação dessas tecnologias na instituição, inclusive para os módulos de contábil e financeiro, os mais utilizados pela unidade. “O gerente de projetos realizou, juntamente com os usuários-chave do setor, as configurações necessárias, tais como: definição de plano de contas, centro de custos, históricos de padrões, itens de fluxo de caixa, natureza das operações, configurações de contas bancárias, caixa, contas de adiantamentos, relatórios e consultas”, acrescenta.

Treinamento

A Procenge possui diversos especialistas no segmento de operadoras de saúde – inclusive em mais de 100 unidades espalhadas pelo país da cooperativa Unimed -, que atuam em áreas como suporte, comercial, desenvolvimento, e treinamento, buscando que as entidades utilizem todo o potencial dos sistemas para uma melhor gestão. Esses profissionais buscam também “manter uma constante evolução da solução para que as instituições mantenham a excelência na sua gestão e atendam às exigências da ANS, passando a aumentar sua produtividade para crescer em um mercado tão competitivo”, comenta Cavalcante.

Além da Unimed Ceará, Cavalcante comenta que a empresa de sistemas possui outras unidades usuárias do ERP Pirâmide, como Unimed do Brasil, Unimed Grande Florianópolis, Unimed Norte e Nordeste, além de instituições como Hospital do Coração de Alagoas e Hospital do Câncer de Pernambuco.

“A Federação Ceará possui nove Unimeds filiadas que também utilizam a solução, sendo três operadoras de planos de saúde (Unimed Cariri, Unimed Sobral e Unimed Cratéus) e seis prestadoras de serviço (Unimed Abolição, Unimed Aracati, Unimed Centro-Sul, Unimed Nordeste do Ceará, Unimed Sertão Central e Unimed Vale do Jaguaribe)”.

Benefícios

Para o gerente de Tecnologia da Informação da Unimed Ceará, os principais benefícios da utilização desses softwares estão na economia de tempo e custos, melhore estratégias e planos, decisões táticas, processos mais eficientes e visão em tempo real do desempenho corporativo geral e individual.

Sobre o sistema SABIUS, Melo Júnior explica que o mesmo permitiu o controle de produção médica, clientes, administrativos, autorizações, cobranças, faturamento e promoção à saúde. “Já o sistema Pirâmide possui as facilidades de administrar eletronicamente a contabilidade, contas a pagar e receber, financeiro almoxarifado, compras, patrimônio, custos e orçamento. Outras facilidades são o acesso a relatórios gerenciais, a integração dos processos da empresa, além das informações consolidadas e acessadas em tempo real”, acrescenta.

Segurança

“A integração dos módulos garante a extração de informações totalmente seguras, dando uma visão completa da empresa e permitindo realizar análises tanto macros como detalhadas”, ressalta Cavalcante sobre o nível de segurança que o software ERP Pirâmide proporciona para a gestão.

Já para o gerente de Tecnologia da Informação da Unimed Ceará, a utilização de controles de segurança para garantir o adequado acesso aos programas, arquivos de dados, aplicações e acesso à rede devem ser rigorosamente tratados pelos gestores de todas as áreas da organização e, principalmente, pela administração.

“A importância da segurança da informação para a empresa reside no fato de que ela não garante apenas uma proteção contra invasores externos, mas também previne o comprometimento das informações de maneira interna. Com isso, a operadora de planos de saúde passa a ficar mais protegida e dispor de dados realmente relevantes para a alta gestão”, defende Melo Júnior.

Fonte: Healthcare Management